Nenhum condutor gosta de andar com o carro imundo. Além de passar a sensação de veículo desleixado, a poeira e outras impurezas são capazes de sujar a roupa e inclusive ocasionar um acabrunhamento no momento do passeio de fim de semana. Em razão disso, nunca foi tão essencial estar bem informado sobre as ferramentas e produtos pertinentes à lavagem de carro.
Inúmeras pessoas têm o costume de dar uma passadinha no lava-jato com o intuito de limpar o veículo, outras têm o costume de pegar a mangueira e realizarem elas mesmas a tarefa. No entanto saiba que muitos erram na lavagem do carro e fazem a higiene de forma inadequada, o que acaba danificando a pintura e danificando a cera que protege a tinta. Outros despendem litros de água durante a lavagem do carro menosprezando novos procedimentos, como a lavagem a seco, também chamada lavagem ecológica.
Para que você não se equivoque novamente, listamos em seguida algumas informações imprescindíveis em relação a lavagem de carro que farão com que você altere sua maneira de lidar com o trabalho de limpeza do seu veículo.

Produtos que jamais devem ser utilizados durante a lavagem de carros

Nunca use detergente para lavar seu carro

lavagem_carros O detergente de cozinha é fantástico para lavar garfos e pratos e tirar a gordura de uma panela, mas bem agressivos à pintura do veículo. Eles gradualmente deterioram a cera protetora do automóvel, o que estende o risco de arranhões e prejuízos irrecuperáveis nas pinturas. É melhor preferir por um shampoo específico para carro, principalmente produzido para a lavagem de carro.

Lavagem automática

A rotina do dia a dia deixa a limpeza em posto de combustível e empresas do ramo a escolha favorita. No entanto, boa parte eua escova de lavagem de carro automática, o que vai riscar a pintura. Preferir por um lava-jato com máquina “sem toque” (que joga o xampú e a água em alta compressão) é melhor se quiser conservar o acabamento do veículo, ou então você é capaz de obter os produtos apropriados e fazer o trabalho você mesmo em casa.

Secagem

secagem_carro Depois da lavagem do carro, é significativo secar o veículo o mais depressa que puder. Se deixar para secar no tempo, os pingos d’água conseguem manchar a carroceria, o que, em algumas ocasiões, são difíceis de retirar.
Há no mercado panos de microfibra especialmente desenvolvidos para a secagem de automóveis. E o mais fundamental: nunca utilize uma camiseta ou meias velhas, que podem causar danos não reversíveis à pintura. Uma secagem malfeita é capaz de desperdiçar uma boa lavagem do carro.

Bucha não é útil para lavar carro

Usar uma bucha comum fornece o risco de arranhar não unicamente a carroceria, como também o para-brisa e demais vidros. Escolha uma luva de lavagem de carro projetada para veículos, feitas de lã natural ou microfibra, que absorve melhor as partículas. Buchas feitas de espuma conservam a impureza na superfície e arranham o verniz da pintura.

Higienização de vidros

limpeza_vidro A grande parcela dos produtos para limpeza de janela doméstica tem amônia, uma substância que irá danificar o para-brisas e demais vidros do carro. Tal produto também não é interessante para superfícies como couro, plástico ou vinil. Devido a isso, utilize produtos adequados para automóveis ao longo da lavagem do carro.

Balde

Utilize sempre dois baldes d’água durante a lavagem do carro: um para fazer o enxágue e outro para água com sabão. Caso contrário, depois de alguns minutos você vai estar fazendo a lavagem do carro com água imunda.

Nunca lave seu carro debaixo de sol ardente

Não deve-se fazer a lavagem do carro debaixo do sol forte, já que os raios só irão acelerar o processo de marcas de água na lataria. Prefira o princípio da manhã ou o fim da tarde ou então lave-o à sombra.
Antes de começar a lavagem do carro, aguarde a lataria esfriar – isto evita que a água e o sabão enxuguem e deixem manchas. O cuidado vale para todo o processo: durante a lavagem do carro, conserve o veículo sempre umedecido.

Não utilize toalha

Você, eventualmente, olha pessoas enxugando o automóvel com uma toalha de banho feita com tecido sintético. Talvez essa seja uma das maneiras mais garantidas de riscar a tinta! Um tecido de microfibra, algodão ou silicone é a melhor coisa para a secagem.

Como lavar as rodas

lavar_rodas As rodas estão cobertas de graxa e com vestígios metálicos dos freios. Evite o equívoco de lavar as peças com a mesma luva que você utiliza para a carroceria. Com o intuito de fazer a mais adequada lavagem de carro, use a todo momento duas luvas: uma para as rodas e outra para a carroceria.

Principie pelas rodas

Dê preferência às rodas ao começar a lavagem do carro, do contrário, a graxa e a impureza das rodas são capazes de salpicar o restante da lataria. Aguarde que elas fiquem frias antes da lavagem, para que não haja empenamentos ao contato com a água gelada.

De que modo lavar o carro a seco?

A Lavagem a seco ainda é conhecida como Lavagem Ecológica, apesar de ser um dos temas mais discutidos, existem inúmeras dúvidas a respeito deste método. Vale a pena fazer a lavagem a seco? Qual iria ser minha vantagem? Como lavar carro a seco? Posso riscar o veículo com o processo de lavagem a seco? A lavagem a seco contribui com o meio ambiente?
Existem pessoas falando que realizam a lavagem do carro por completo com apenas um copo de 200 ml d’água. E isto é capaz de ser muito perigoso, uma vez que com pouca solução de produto de lavagem a seco, a chance de ocasionar riscos na pintura do veículo é muito alta. O ideal a ser utilizado numa lavagem a seco é pelo menos quinhentos mililitros ou até dois litros de solução.
O recomendado é uma solução de 1L para uma excelente lavagem a seco. Porém isto também poderá ser avaliado conforme as condições da sujeira. De todo jeito, o método de lavagem a seco é uma esplêndida ideia e não uma ação milagrosa. Usa-se pouca água, contudo também não é uma lavagem completamente a seco.

Qual a diferença entre a lavagem de carro a seco e convencional?

Lavar o carro do modo tradicional, utilizando água, é capaz de gastar, aproximadamente trezentos litros d’água para carros pequeninos e 600L para carros enormes. Apesar disso, haveria mesmo uma fórmula para uma lavagem de carro melhor e mais eficaz do que as tradicionais sem utilizar um pingo d’água?
Para fazer uma limpeza a seco satisfatoriamente, é empregado, no máximo, 1,2 litro de água. Essa quantidade é bem expressiva para a limpeza de um automóvel que despendia litros e litros d’água por minuto ao longo do processo tradicional de lavagem. Com esta quantidade d’água, é possível deixar o automóvel devidamente limpo, brilhando e resguardado.

Confira os utensílios precisos para lavar o carro a seco:

– Produto lubrificante destinado à lavagem a seco (selecione o mais acessível);
– Panos de microfibra higienizados e secos (três unidades para a limpeza de um automóvel de tamanho médio), só para limpeza da pintura;
– Pincel para detalhamento (para rodas e frisos);
– Outros produtos de higienização específicos para outras áreas (rodas, vidros, etc).

Como selecionar o produto adequado para lavar seu carro à seco?

Você pode preferir por produtos com formulação simples ou que possuam cera ou selante sintético na fórmula. Costumeiramente os produtos para lavagem a seco já apresentam o efeito dois em um, fazendo com que a aplicação limpe e encere o automóvel concomitantemente. Com isso, a pintura do automóvel fica protegida, além da solução dar conservação de brilho e proteção para a cera aplicada anteriormente no veículo.

Descubra a forma correta de lavar a seco em oito passos

1. Mantenha o veículo na sombra e com as peças frias;
2. Realize a diluição, caso o produto esteja espesso.
3. Pulverize o produto de lavagem a seco diretamente na região desejada, ideal em regiões de 50x50cm. Use produto suficiente a fim de deixar a tintura bem molhada. O mais adequado é pulverizar o produto até que ele escorra na pintura;
4. Remova a sujeira com um pano de microfibra sem fazer força, em um mesmo sentido. Dê apenas uma passada por local e nunca fique esfregando o pano na superfície no sentido de vai-e-vem;
5. Use um segundo tecido microfibra limpo e seco para dar o toque final;
6. No momento de continuar a lavagem a seco, use outra parte do tecido que ainda encontre-se limpa;
7. Se necessário, refaça o processo no mesmo local.
8. Caso o pano fique sujo, lave esfregando bastante e, após isso, continue o procedimento.
Caso o seu carro esteja bastante sujo, use um jato de água para tirar o excesso de sujeira antes de iniciar a lavagem a seco.

Produtos que nunca podem faltar na hora de lavar o carro da forma tradicional

Nem sempre pode-se mandar lavar o carro em um local especializado e inclusive há quem goste de fazer sozinho esse trabalho, em função disso, é crucial ter certos produtos em sua moradia. Quem é apaixonado por seu veículo, sabe a importância de um mimo às vezes, e até os menos emotivos valorizam a lavagem do carro.

Ao lavar o carro não deixe de usar cera

cera_carro A cera dá brilho e protege a pintura do veículo, gera uma camada protetora que impossibilita que a água fique na superfície, além de evitar riscos e a presença de ferrugem na pintura. Várias são de aplicação simples e para saber o momento de passar de novo, basta observar o brilho do automóvel ou a água da chuva, por exemplo. Caso escorra pela lataria, ainda tem uma camada de cera. Atente-se aos diversos tipos de ceras acessíveis no mercado, provavelmente exista em componentes diferentes, dependendo das necessidades de cada automóvel.

Limpa vidros de carros

A transparência dos vidros é fundamental até para a segurança ao conduzir. Vários produtos prometem higienizar o vidro do carro de forma veloz e eficiente e é necessário notar se eles correspondem a algumas funções básicas. Ao lavar o carro, esse tipo de produto, além de limpar a sujeira mais superficial, deve desengordurar os vidros (em principal na parte interna). Assim como as ceras, o adequado é que eles produzam uma película protetora que garanta a durabilidade da limpeza. E, obviamente, nunca deve deixar marcas após a aplicação.

Vai lavar o carro e esquecer de hidratar o banco de couro?

banco_couro Quem possui carro com bancos de couro se importa em conservar os assentos com a aparência original e, em função disso, tem que usar hidratante de couro. Alguns produtos prometem hidratar, manter e inclusive funcionam como detergente. As três funções são imprescindíveis para cuidar do material e, ao comprar, confira no rótulo se ele atende a essas necessidades.

Espuma multiuso

Esse tipo de produto serve para limpar diversas superfícies, contudo uma das principais funções é “lavar” o tecido dos bancos e das paredes internas do carro. Nos rótulos, há orientações dos fabricantes como: deixar o produto funcionar por alguns segundos, friccionar levemente com esponja ou pano sedoso e úmido e, por fim, remover com outro pano antes que enxugue. Garanta uma lavagem de carro completa, porém, cuidado para não rasgar o estofamento ao remover as manchas mais complicadas.

Instruções para lavagem de carros
Avalie esta postagem

Deixe uma resposta